A IDENTIDADE E MISSÃO DA IGREJA DE CRISTO

Atualizado: Abr 13

INTRODUÇÃO


A palavra igreja, do grego "ekklesia", significa "os tirados para fora". Conota em seu sentido etimológico a ideia de "ajuntamento", "agrupamento". O sentido foi conservado por Cristo e os apóstolos, mas, ao mesmo tempo o significado da palavra foi ampliada, tomando o sentido de "povo exclusivo de Deus da Nova Aliança".

A palavra igreja no Novo Testamento pode tanto significar a "reunião dos salvos", como também significar um indivíduo, ou ainda ter um sentido mais amplo, referindo-se aos alvos de todos os tempos: passado, presente e futuro. Portanto, a Igreja de Cristo pode ser tanto local "a reunião dos salvos", como, também, ser Universal. De qualquer forma a identidade e missão da Igreja de Cristo se manifestam em um padrão único e invariável.

A missão é identidade da igreja


A missão da igreja não pode ser desassociada de sua identidade e nem sua identidade de sua missão. Identidade são os traços específicos ou características próprias que definem uma personalidade, marca, empresa, organização, instituição, etc. Em termos genéricos existe dois textos bíblicos que apresentam as características peculiares do povo de Deus.

"o qual se deu a si mesmo por nós para nos remir de toda iniquidade, E purificar para si um povo seu especial, Zeloso de boas obras" (Tt. 2.14). "para apresentar a si mesmo igreja gloriosa, sem mácula, nem ruga nem coisa semelhante, mas santa e irrepreensível". (Efesios 5.27). Em termos mais específicos a identidade da igreja é estabelecida com base em sua identificação com as características da pessoa de Cristo.

A Bíblia afirma que Cristo é a mais perfeita representação de Deus:

"porque nele habita corporalmente toda a plenitude da divindade" (Cl 2.9).


  • Em Cristo Está a Onipotência, Onisciência, Onipresença, Eternidade, Imortalidade.

Ele é também, a mais perfeita representação do homem original criado à semelhança de Deus, por isso ele é chamado de "Filho do Homem".

  • Em Cristo se encontra o mais perfeito conceito de bondade, Justiça, santidade, um resumo da natureza moral divina

A igreja tem a missão de refletir, manifestar a natureza moral de Cristo ao mundo. Isso, em termos resumidos, abrange os três principais aspectos Morais da natureza de Deus: sua Bondade, Santidade e, Justiça (Em 11.22). A igreja não pode refletir aquilo que da parte de Cristo lhe não tenha sido manifestado.

  1. Atributo moral da Bondade. O atributo Moral da Bondade Deus, resumo e outros diversos aspectos de sua natureza moral.

  • Meu amor

  • Sua graça

  • Sua misericórdia

  • Sua longanimidade

  1. O atributo Moral da Justiça. O atributo da Justiça reflete a natureza Justa e punitivo de Deus.

  2. Atributo da santidade. Reflete o caráter puro e imaculado da natureza divina.

A maneira da igreja manifestar o Tríplice aspecto da natureza moral de Deus é por intermédio do Evangelho de Cristo.

O termo "evangelho" em sua etimologia significa "Boas Novas". No sentido teológico da palavra representa as "a totalidade da mensagem salvação". Portanto, a principal e maior função do Evangelho é denunciar o pecado da humanidade em contraste com a natureza santo de Deus. A segunda função é tornar Manifesto o juízo de Deus sobre o pecado, em contraste com a justiça de Deus, e por último manifestar a bondade de Deus por meio da qual o pecador pode escapar do Poder do pecado e da condenação eterna.

Em resumo, a mensagem do Evangelho manifesta:

  • Que o pecado é uma realidade que atinge a todos

  • Que o resultado do pecado é a morte

  • Que há uma Salvação e um Salvador

  • Que a salvação é fruto da graça imerecida de Deus mediante a fé em Crito (Ef 2.8,9)

  • Que é necessário viver uma vida santa e inteiramente dedicada a Deus.

Pregar o evangelho Evangelho é a principal missão da igreja.